segunda-feira, 11 de abril de 2011

É...

Precisava de dizer-te umas quantas coisas. Mas não irei escrever aqui, porque são coisas só nossas.
Constantemente, a tristeza entranha-se em mim, mesmo sabendo que não é bem-vinda.
É como se alguém me injectasse melancolia, e essa mesma melancolia percorresse todas as minhas veias, incapacitando-me de sorrir ou de ter qualquer atitude que transmita alegria.
É querer esquecer momentos, e esses momentos são os únicos presentes no meu pensamento e teimam em não ir embora.É querer correr e não conseguir mexer as pernas. É querer-se falar e apenas se conseguir chorar.É a minha existência ser insignificante para qualquer um. É deixar de existir. É o mundo ser apenas mais um obstáculo para contornar e seguir em frente, deixando os problemas para trás. Não há o "tu" e o "eu" está prestes a desvanecer-se por entre todas as mágoas que o perseguem.

É só ser incompleto, incompreendido, indiferente, dispensável, ignorante, insuficiente, incapaz, indesejável e infeliz!

4 comentários:

claudiarodrigues* disse...

obrigado querida, ainda bem que gostas.te !
vou seguir, beijo*

Fii' disse...

de nada.
obrigada, querida (:
Beijinho ;D

Isabel disse...

Obrigada (:
Também te vou seguir *

Fii' disse...

de nada e obrigada (;