sábado, 13 de agosto de 2011

Deambulando



Vagueei durante horas, sem destino definido. Era como se estivesse dentro da minha mente e assisti, na fila da frente, a alguns episódios da minha vida. Alguns deles fizeram com que eu pensasse que não valho nada, que não existe qualquer tipo de valor em mim, que sou uma espécie de ópio. Por outro lado, observei cenas desde o mais ao óbvio até ao mais ínfimo pormenor, e apercebi-me de que em pequenas coisas que fiz que fui uma espécie de anjo que salvou algo, que disse as palavras certas, as palavras que alguém merecia ouvir, as palavras doces e carinhosas e alguém estava a precisar. Para além de palavras, existiram atitudes que me surpreenderam, porque nunca imaginei ser capaz de o ter feito, de ter sido eu, um ser repleto de defeitos a tomar aquela posição. No instante em que decidi reagir daquela forma não reflecti sobre o que iria fazer, por isso talvez seja essa a origem da minha surpresa ao voltar a ver aqueles momentos num flash.
Não pude, no entanto, deixar de me orgulhar do que fui capaz de fazer frente e ultrapassar. Estive cara-a-cara com a falência, estive a um passo do abismo e nunca vou esquecer aqueles momentos em que cheirei o fracasso ou mesmo aqueles em que cheguei mesmo a fracassar por completo. Se os bons momentos tiveram a duração de um pestanejar, os maus pareciam não ter fim. Vi-me ali, sozinha, desamparada, completamente destruída, e sem qualquer disposição, vontade ou desejo de me levantar. Foi duro ver tudo aquilo, porque uma réstia de toda aquela tristeza ainda está albergada no meu coraçãozinho que lutou muito. Mas, de repente, eu voltei a erguer-me, e isso aliviou-me ,apesar de ter sido só uma espécie de filme aquilo que presenciei.
É por tudo isto que me considero uma pessoa forte de espírito, acredito que vou lutar contra tudo e contra todos, e que vou vencer. ACREDITO QUE VOU SER FELIZ.

14 comentários:

PauloSilva disse...

Ainda bem que gostaste :)

Revejo-me nas tuas palavras... (lindas por acaso) *.*

daniela fernandes disse...

mas é mesmo, mesmo verdade *-*
Obrigada!!! Ainda bem que gostaste :D

Sofia Moreira disse...

és sim mesmo :)

filipa margato disse...

claro que tenho linda (:

Cristiana Lourenço disse...

adorei!

sigo*

MarcelaMaia disse...

Pessoalmente não gosto muito das ultimas, mas os gostos são diferentes.
Obrigada pela opinião :)

Miquelina G disse...

é esse o espírito ;)

PauloSilva disse...

até parece :o

Joana disse...

Olá já fiz o blog novo de historias :P vai lá espreitar
http://adolescentes-historias.blogspot.com/
dá a tua opinião! E espero que gostes !
Beijinhos

simple writer disse...

vais ser feliz sem sombra de dúvidas :D

Sara'C disse...

Por vezes nós próprios surpreendemos-nos.
É bom acreditares que consegues (:

filipa disse...

obrigada querida , adoro a imagem !

catarina disse...

nada disso (;
a do blog *

● mariliaqueiroz ● disse...

oh , não é nada de especial (: mas obrigada .
perfect .